11 de julho de 2011

Nota em defesa da liberdade de expressão e de opinião da Ordem dos Advogados do Brasil

A Direção do Sindicato dos Jornalistas de Santa Catarina repudia a manifestação do colunista Cacau Menezes, publicada na edição do Diário Catarinense desta sexta-feira, 8, sob o título Advogados x Jornalistas.

O comentário, eivado de distorções, desinforma, deseduca e conduz os leitores a uma interpretação errônea da realidade, A Ordem dos Advogados do Brasil, assim como os demais conselhos de profissões regulamentadas, defenderam e defendem a formação superior em jornalismo para o exercício das atividades da categoria, o que é direito legítimo das organizações.

A Direção do Sindicato dos Jornalistas, ao condenar o conteúdo do comentário do colunista, ressalta que Cacau Menezes tem o direito de pensar e escrever o que desejar, amparado pela Constituição Brasileira. No entanto, isto não significa que ele, ou outro que emita opinião em meios de comunicação, esteja coberto pela verdade.

Ao tempo em que publica esta nota, a Direção do Sindicato dos Jornalistas convoca a todos, cidadãos e cidadãs, em especial jornalistas e advogados, assim como entidades e organizações da sociedade civil, e as representações do Estado, para que mantenhamos permanente vigília e luta em defesa da formação dos jornalistas, até a vitória no Congresso Nacional, com a aprovação de emenda constitucional que traga de volta a formação superior em jornalismo como um dos elementos para o acesso ao registro profissional.

Fonte: SJSC

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Chegou até aqui, então manda o comentário...