22 de julho de 2011

Duas chapas se apresentaram para concorrer às eleições do SJSC

Duas chapas se inscreveram para concorrer às eleições do Sindicato dos Jornalistas de Santa Catarina para a direção que vai comandar as ações da entidade nos próximos três anos.

As chapas são a número 1, denominada "Sindicato Mais Forte Sindicato Presente" e a número 2, denominada “VaMOS juntos – O Sindicato dos Jornalistas para os Jornalistas”. A inscrição de duas chapas ( veja edital com as nominatas ) traz à categoria o debate da disputa eleitoral, que não ocorre desde 1986 no SJSC.

No entanto, de acordo com a Comissão Eleitoral, mesmo inscritas as chapas, a homologação das candidaturas só poderá ser feita passado o prazo de entrega dos pedidos de impugnação, que vai de sexta-feira, dia 22, até às 18 horas de terça-feira, dia 26 de julho.

A votação será feita por internet, nos dias 25 e 26 de agosto, conforme resolução da assembléia que também escolheu a Comissão Eleitoral, dia 10 de junho.

Nesses dias, os sócios que estão em dia com a tesouraria do Sindicato vão eleger a Diretoria, o Conselho Fiscal, a Comissão de Sindicalização e Exercício Profissional, a Comissão de Comunicação e eventos, os Delegados ao Conselho de Representantes da Federação Nacional dos Jornalistas Profissionais.

O processo eleitoral do Sindicato pode ser acompanhado por meio do site da entidade, no link Eleições 2011 e também por meio do mural da sede, onde estão dispostos os editais e atas de reuniões da CE. Os editais divulgados pela Comissão também são publicados no jornal de circulação estadual, Diário Catarinense.

Conforme Edital de Aviso de Inscrição de Chapas e Abertura de Prazo para impugnações, os pedidos de impugnação devem ser encaminhados por escrito à Comissão Eleitoral, na sede do SJSC constando as razões de cada pedido e toda a espécie de provas que os requerentes julgarem necessárias.

Os filiados que quiserem ter acesso aos requerimentos de inscrição e documentos apresentados pelas chapas inscritas deverão encaminhar pedido por escrito à CE para que designe um de seus membros para dar acesso aos documentos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Chegou até aqui, então manda o comentário...