9 de março de 2012

Conar deve julgar campanha publicitária da Sky contra nova lei do audiovisual

Capturado do Portal Imprensa

O Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar) julgará ação movida pela Associaçao Brasileira das Produtoras de Obras Audiovisuais (Apro) pedindo a suspensão da campanha da Sky contra a política de cotas para a produção audiovisual brasileira.

Em sua argumentação, a Apro acusa a Sky de persuadir a opinião pública brasileira contra os legisladores e a lei aprovada em 2011. A entidade também alega que a operadora fez uma campanha de difamação contra a Ancine (Agência Nacional de Cinema).

O portal Blue Bus divulgou que a Sky deu início a uma campanha agressiva contra a nova lei, atacando especialmente pontos ligados as cotas de produção audiovisual.

A operadora convocou atletas patrocinados, como Giba e Gustavo e times com os quais têm parceria (Cimed-SKy e Pinheiros-Sky, ambas equipes de vôlei) para questionar pontos da nova lei, mostrando como esportes e jornalismo não seriam válidos para o cumprimento das cotas de produção.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Chegou até aqui, então manda o comentário...