13 de dezembro de 2010

Em Criciúma, SBT quer contratar jornalista por 700 reais

A sucursal do SBT de Criciúma está contratando jornalista. Pela vaga está oferecendo R$ 700,00 de salário mensal. O piso salarial da categoria que está em vigor, de acordo com a Convenção Coletiva é de R$ 1.300,00. Segundo o diretor do SJSC na região Sandro de Mattia, pelo menos três profissionais que se interessaram pela vaga procuraram o SBT e ao saberem que o salário era de R$ 700,00 desistiram da vaga e acionaram o sindicato.

O dietor do Sindicato, hoje pela manhã, conversou com o gerente do SBT de Criciúma cobrando o fato de a empresa estar oferecendo um salário abaixo do piso a cargo de jornalista. No meio da conversa houve uma interrupção na ligação. Em seguida o gerente retornou a chamada dizendo que "esse assunto teria que ser resolvido com o chefe de Jornalismo do SBT de Florianópolis".

Para o diretor do SJSC em Criciúma "a categoria depende de atitudes como a desses profissionais que não aceitaram e denunciaram ao sindicato que é quem tem poder de representação coletiva. Eles não concordaram com as condições ofertadas pela empresa e denunciaram. Isso é valorizar a profissão, respeitar a categoria".

O presidente do SJSC, Rubens Lunge deve visitar a região sul esta semana. Juntos os diretores do Sindicato vão visitar a categoria, fazer mobilização, sindicalização e averiguar outras denúncias feitas pelos colegas de outros veículos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Chegou até aqui, então manda o comentário...